PESQUISA NESTE SITE:

28 de junho de 2017

GOIÁS - Mulher é presa suspeita de matar grávida e cortar barriga para retirar bebê

Após o parto forçado, recém-nascido também não resistiu e morreu. Corpo da gestante foi enterrado em cova no quintal da casa da suspeita, em Nerópolis-GO.


               Uma mulher foi presa em flagrante suspeita de matar uma gestante e cortar a barriga dela para retirar o bebê, em Nerópolis - GOIÁS, na Região Metropolitana de Goiânia

               Segundo a Polícia Civil, Suelen Coimbra do Carmo, de 27 anos, enforcou Naiara Silva Costa, de 22 anos, e realizou o parto forçado em seguida. Depois, enterrou o corpo da jovem em uma cova no quintal da casa onde morava. 
               O recém-nascido também não resistiu e acabou morrendo.

               O crime ocorreu na Terça-feira (170627). 

               A vítima estava no 8º mês de gestação. Segundo a delegada Azuen Magda Albarello, Suelen confessou o crime e afirmou que conheceu Naiara por meio das redes sociais. 
               Ela também disse que sofreu um aborto há cerca de dois meses.

"Ela fez a vítima passar mal e a enforcou, levando a jovem a óbito. Depois, cortou a barriga da vítima e tentou fazer o parto, só que a criança não resistiu"
               Afirmou a delegada à TV Anhanguera.


               A principal linha de investigação é que a mulher tinha interesse em ficar com a filha da jovem. 

"A Polícia Civil acredita que ela realmente queria a criança e que a pegou à revelia da vítima"
               Explica Azuen.

               Vizinho da suspeita, o servente de pedreiro Marcos Pereira disse que Suelen pagou uma quantia para ele cavar um buraco no quintal alegando que gostaria de fazer uma horta no local. No entanto, ele desconfiou quando soube que o espaço teria dois metros de comprimento por um de profundidade e chamou a polícia.

"Quando ela fez isso, já achei tudo estranho. Fazer uma plantação em um metro para baixo da terra? Para que isso?"
               Questionou.


               O subtenente da PM Marcelo Félix da Costa a atuou na ocorrência. Ele revela o cenário que encontrou ao entrar na residência.

"A vítima estava enrolada em algumas cobertas dentro do buraco, já fechado. Já a criança estava dentro de uma bacia, envolta em alguns panos, no quarto da mulher"
               Disse ao G1.

               Com informações de: G1.

               Autora de Homicídio seguido de Infanticído é presoa na Cidade de Nerópolis-GO.

               Na tarde desta Terça-Feira (170627), a equipe da RP-8913 (Subtenente Marcelo e Cabo Vieiga), receberam denúncias de um pedreiro sobre a atitude estranha de uma mulher que contratou os serviços do mesmo para furar um buraco na casa dela, no Setor Marista, em Nerópolis-GO

               Segundo as denúncias a mulher pediu para que o pedreiro furasse o buraco para, segundo ela plantar cebolas. Achando estranho o pedreiro resolveu procurar a equipe e esclarecer os fatos.

               Ao chegarem no local a mulher resistiu em dar informações e não abriu o portão da casa, agindo de forma suspeita, a equipe pulou o muro da residência onde se depararam com o buraco referido pelo solicitante, já tampado. 
               Ao indagar a suspeita sobre tal fato, foi solicitado para que fosse descavado e localizado em seguida um cadáver.

               A autora disse a equipe que o assassinato ocorreu porque ela havia perdido um filho a dois meses e que queria um novo filho, então decidiu abrir a barriga da vítima que estava gravida, onde relatou que o feto da vítima estaria no quarto da mesma. Em seguida foi dado voz de prisão a autora e encaminhada à delegacia da cidade de Nerópolis.

               Segundo informações da Polícia Civil, a autora convenceu a vítima a ir em uma reunião, na qual ela poderia ganhar o enxoval para a criança, só que quando ela chegou na casa foi dopada com Rivotril e enforcada com uma corda até sua morte.

               Com Informações de
                              Thiago Ricarte
                              Aux. Adm. 3ºPel. 23ªCIPM - Nerópolis-GO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!
Seu nome e sua cidade é muito importante!

UNAIENSES - DESTAQUE - 2017

UNAIENSES - DESTAQUE - 2017
Certificado de Destaque do ano

GRUPO LEIA UNAÍ

GRUPO LEIA UNAÍ
Participe também via Whats do nosso Grupo de Notícias

GRUPO FALA UNAÍ

GRUPO FALA UNAÍ
Participe também do Grupo Público no Whats

LEIA UNAÍ

LEIA UNAÍ

FALA UNAÍ

FALA UNAÍ